“As pessoas são sempre problemáticas, e os problemas são todos pessoais”

Essa mania de nomear posts com frases ainda vai perdurar, então se acostumem. Quem disse isso aí, você deve imaginar, foi Millôr Fernandes, que morreu hoje. Aliás, finalmente o post-mortem do Facebook tá legal: muita gente compartilhando frases e desenhos desse gênio. Apesar do flood, é bom ver a galera conhecendo um pouco da obra dele.

Millôr é um marco. Se enfiou numa redação com 14 anos de idade, e já com 19 veiculou uma das primeiras publicações humorísticas do brasil, o Pif-Paf. Além dos desenhos, ele também era poeta e cronista e sabia direitinho como escancarar as mazelas brasileiras com um bom humor que ao mesmo tempo corta como uma faca. Olha a sátira que eles fez, por exemplo, do famoso Vou-me Embora pra Pasárgada, de Manuel Bandeira:

(…) Pasárgada já não tem nada
Nem mesmo recordação
E nem fome nem doença
Impedem a concepção
Telefone não telefona
Drogas são falsificadas
E prostitutas aidéticas
São as nossas namoradas.

E se hoje acordei alegre
Não pensem que vou ficar
Nosso futuro já era
Nosso presente já foi
Dou boiada pra ir embora
Pra ficar não dou um boi .
Dou quase nada, coisa pouca,
Somente uma vaca louca.

A poesia pode ser conferida na íntegra no Saite do Millôr. Aliás, ele foi pioneiro também na internet, inaugurando seu site em 2000 onde a sua obra quase completa está disponível.

Um cara que não se levava a sério… Millôr é tão mas tão incrível que eu não tenho o que comentar. Sério mesmo. É uma pena termos perdido alguém que pensava e sabia fazer com que pensássemos também. E depois que todos esses caras morrerem? Será que nasce mais alguém? Essa dúvida me pegou e me abateu nessa tarde tosca e fria em São Paulo. O próprio Millôr ilustra esse pensamento triste muito melhor que eu:

pode trocar gente honesta por gente que pensa, dá no mesmo.

Millôr vai descansar em paz. Coitado é da gente que fica aqui.

About these ads

4 respostas em ““As pessoas são sempre problemáticas, e os problemas são todos pessoais”

  1. Para o Millôr que encheu meu tempo de gargalhadas: AHAHAHAHAHAHA!!!!!
    Pega leve com o pessoal lá de cima, MILLÔR ! Abraço, chloè.
    Vovó.

  2. Chloé, seu textos possuem características millordianas…
    Humm… temos aí um teco de Chloé em “A origem”, será? ; )
    Beijo!

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s